Brusque em 1910

De Sala Virtual Brusque
Ir para navegaçãoIr para pesquisar
  • AGUARDANDO REVISÃO

BRUSQUE EM 1910

Receita e despesa do município prevista para o ano, 17:7603000, respectivamente .

. FEVEREIRO

  • O' jornal “Novidades” publica “A uva — contribuição para e'

cultivo da videira em Santa Catarina” de Georg Boettger. '

Reuniu-Se o Conselho Municipal e a Comissão especial'dos 'fesf tejos do 500 aniversário da fundação de Brusque. Na ocasião fbi re— solvido instalar na. pequena Praça, fronteira ao palacete Renaux, um monumento comemorativo orçado em 2:000SOOO a ser encomendado na Áustria. Seria adatado ao mesmo uma rede de água vinda de um reservatório a ser construído em terras do sr. L. Spengler. O sr. Max J . Schumann foi encarregado do serviço de canalização e adaptação.

Do jornal “Novidades”: “Origem da designação de Ribeirão do Ouro ao afluente do rio Itajaí mirim”. Há uns“ 70 anos atrás, pelos co- mecos de 1840, quando toda a região que constitui hoje o município de. Brusque era um sertão bravio, habitado por b-ugres, apareceram aí três irmãos vindos. dos. Estados Unidos da América. Chamavam—se eles Roberto, Augusto e Leweson Leslie e andavam a procura de, minas. Depois de terem cruzado todo o nosso sertão, permaneceram durante alguns meses às margens de um córrego, afluente do pequeno Itajaí, e onde, segundo diziam, haviam encontrado ouro, ten—do extraído e levado consigo uma boa quantidade desse metal. A noticia do fato espalhou- se e, quando, anos depois:, moradores se foram estabelecer perto -- do “ri-- beirão junto ao qual os três: irmãos americanos haviam mine—irado, ba- tizaram o riacho, em virtude dºaquela tradição, com o nome de Ribei- rão dc Ouro. Dos três: mineiros., dois voltaram logo depois para os E's= tadosUnidos e o terceiro que entre nós ficou, outro não era que o velho Lessa, conforme todos aqui tratavam o sr. Lewesón Leslie, o abastado agricultor, falecido o ano passado (1909) em avançada idade, no lugar Ilhota, neste município Deste modo se fica sabendo porque tomou o nome de Ribeirão do Ouro o pequeno curso de águas que conflui no Itajaí mirim, próximo às nascentes deste, e como dos EstadoslUnidos veio,.para esta terra, nos tempos em que toda esta região apenas. começava & ser conquistada para a civilização, e aqui viveu durante mais de meio século., o simpático e saudoso Velho Lessa”. .

Contrato do Governo da União com a Estrada de Ferro Santa Catarina. Cláusula IV —— 'Quando o Governo Federal o exigir, a Compa- nhia construirá em prazo razoável, um ramal que servirá a zona colo- nial do vale do rio Itajaí Mirim até suas cabeceiras. Parágrafo unicozi Se a Companhia declarar-se impossibilitada de construir este ramal, nos termos desta cláusula, ficará livre a União de promºver sua cons.- trução pela firma que pareCer mais conveniente.

Anúncio— no “Novidades” «de 18.2: “HOTEL- KRIEGER -« Brus- que, Sªnta Catarina ;— antigo Hotel “Zum Deutchen Kaiser”. Comuni- ca a seus bons fregueses que desta data em diante continua a funciow nar”. Guilherme Luiz Krieger.

)

. MARÇO

Resultado do pleito presidencial em Brusque: Hermes da Fon— seca, 240 votos — Ruy Barbosa, 25 votos.

.

_ Fun-dada pequena orquestra de Câmara sob a direção de Primo Diegoli. Além do diretor faZia'm parte: 'Wilibaldo Strack'e, Júlio L-auxz, Gustaifo Krieger, Luiz Luebke e Guilherme Diegoli.

.”

Fundada, sob a orientação do snr. Antonio Schwartz, a Banda MusiCal '“Cóncórdia”.

Sob a orientação dºs Revdos. Padres Moeller e Baumhof, é fun- dado o “Côro Católico”. '

Segundo a professora dona Georgina de C'_ R. da Luz, 1910 foi um ano destacado na instalação de eScOlas oficiais na vila de Brusque.

-'-:—102 Entre as professoras públicas e particulares, merecem destaque: Ed- wirges Tºrres de Oliveira; Maria Luiza Mueller, Alzira Mueller, Lúcia Fernandes e Joana Torres, "

.

AGOSTO

As festas comemorativas do 500 aniversário «da fundação de! Brusque obedeceram ao seguinte programa:

Dia 3 ; Retreta pela Banda Musical “Concórdia”.

Dia 4 —- As 10 horas — Missa solene.

As 11 horas — Sessão solene do- Conselho Municipal.

As 12 horas — Concentração. de Associações e alunos das'esco- las no Paço Municipal. As 12,30 horas —— Marcha para a Casa dôs A, tiradores .

As 19 horas — Marcha Aux ';lambeaux”. Em seguida represen- tação teatral e Concerto na sede dos Atiradores. '

Diavã 4- ao meio dia —— Torneio de tiro ao alvo» com prêmios:. A noite — Concerto pela Banda Concórdia —— Baile popular.

0 “Novidades” de Itajaí publica. com detalhes as festas cºmemo- rativas do 500. aniversário da fundação de Brusque. -

. Brusque ao completar 50 anos tinha, aproximadamente 18.000

habitantes . o

0 “Novidades” publica- os estatutos da Comunidade Evangélica

aprovados _em Assembléia Geral de 10.11.1907. Carlos Luís Gevaerd, '

oficial interino do Registro civil etc., Pastor W. Lange e membros da diretória assinam.“ — '

. 37:39. JULHO

Toma posse do cargo de Juiz de Direito da Comarca, o dr. Bento Machado Portella.


OUTUBRO

“O Ouro no Vale do Itajaí — importante relato sobre a exis- tência de ouro no Vale do Itajaí, cuja exploração remonta ao ano- “de 1651. Transcreve o jornal uma carta sobre o assunto, de Antonio C. Pinto, de 21 de março de 1783”. Jornal “Novidades” — Itajai.

.

, Por iniciativa do sr. Dr. Bento Portella foi fundada uma as- sociação caritativa destinada a “assistir desde o berço,_ crianças re conhecidamente pobres. moral, cívica, intelectual e profissionalmente. Deverá também celebrar anualmente o Natal dos órfã0s e crianças inválidas. Primeira diretoria: presidente honorário: Dr. Bento“ Por— tella; presidente: Cel. Guilherme Krieger; Vice presidente: João Bauer; secretário: Carlos Luiz Gevaerd; tesoureiro: Jorge Boettger', procurador: Germano Schaeffer. Conselho, composto por 30 pessoas. .

NOVEMBRO

As duas facções políticas locais concordaram na seguinte cha- pa para as próximas eleições: Superintendente, Cel. Guilherme Krie-

ger. Conselheiros: Luiz de Marchi, Guilherme Risch, Guilherme Krie-

ger Jr_, Rodolpho Tietzmann, Vicente Schaeffer. Juízes 'de Paz: A- madio Beudschi, Matias Moritz Senior, “Oscar Krieger e Prim-o Dieg'oli. . . . .

Agradável surpresa teve o sr. José Pinotti, lavrador em Águas Claras, antiga Colônia Principe Dom Pedro, o qual, ao arar terra, uma peça do arado desenterrou, Várias moedas de ouro, dólares ameri- canºs. Um velho colono considerou a possibilidade de terem perten- cido a colonos irlandeses ou norte-americanos da malograda Colô. nia. Um cidadão, malicioso, disse que era a melhor forma do proprie- tário vender a terra. . . «

.

DEZEMBRO

Em benefício da associação de caridade “Assistência”, recém.- fundada, realiza-se um Concerto musical e vocal, regido pelo sr. Ray- mundo Br'idon, com o concurso da Banda Concódia, dirigida pelo maestro Humberto Matiolli. “Novidades” nº 3431 registra com deta— lhes esse festival beneficente. , . . . . . .

_ _ Encontra-se em. Brusque, contratado pelo S. Carlos Renaux, o engenheiro Riitzhaupt para proceder ao exame das minas de cal-, cáreo do Ribeirão do Ouro. As jazidas, segundo declaração do refe- rido técnico, são inesgotáveis e riquíssimas. Entretanto, há, escassez de barro especial para fabrico de cimento, declaração mais tarde con.- testada pelo sr. Otto Renaux, em carta ao jornal “Novi-dades”.



Casa de Brusque