Luiz Gianesini

De Sala Brusque Virtual

Nasci[1] em Brusque em 8 de outubro de 1948, filho dos saudosos Evaldo e de Ida Maria Boni Gianesini. Casado com Maria Odete de Farias Gianesini; três filhos: Anadir, Ana Márcia e Alexandre Luís. E tenho um netinho Joan Gianesini Tridapalli.

Advogado, fui procurador geral do município (1994/96) na gestão Danilo Moritz (1993- 1996).Como advogado estagiei com Antônio Luiz da Silva e dividi um escritório de Advocacia com Adilson Martins e advoguei em parceria com Ademir Cervi até ingressar na Prefeitura aos 02.01.1993, tendo ingressado como advogado e passado para Diretor Jurídico antes de assumir a Procuradoria-Geral. Na gestão de Hylário Zen/José Celso Bonatelli também fui Diretor Jurídico.

Representei Prefeitos em diversas oportunidades: Em 1996, no Pavilhão Maria Celina Vidotto Imhof , representei Danilo Moritz: e mais: em 09.12.94 na Formatura da 8. série – na Escola Oscar Maluche dirigida por Ivanete Zucco; em 05.01.95 na Posse do Presidente da Cohab/SC; em 16.02.95 no ingresso de Atiradores do TG 05005; em 25.10.95 no Painel da semana jurídica; em 06.12.95 no Encerramento do ano da Charlote; em 14.12.95 na inauguração do Correio na rua Tiradentes; em 13.01.96 no Encerramento Brusque-Messe e acompanhei o Prefeito: no Juramento à Bandeira dos dispensados em 26.09.95, no Caça e Tiro Araújo Brusque – presidida pelo Capitão Seara e no governo Hylário Zen, em 2000, representei o Prefeito Hylário Zen, na AMMVI.

Aos 14 anos, ingressei na Renaux, como auxiliar de revisão de tecidos, passando a trabalhar no Escritório da empresa no setor do PCP. Um dos passos significativos rumo à profissionalização, aconteceu ainda na juventude, por meio do Curso Técnico Têxtil na cidade do Rio de Janeiro, entre os anos de 1969 a 1972, graduação que lhe permitiu alçar a condição de Técnico Têxtil na Fiação Limoeiro de 1973 a 1976, na Artex Badenfurt de 1976 a 1982 e na Fiação Renaux de 1982 a 1991. Lecionei para o 2º grau no Colégio Cenecista Honório Miranda (Estatística) - tendo no ano letivo 1974, na turma de Assistentes Administrativos, recebido o nome de turma (Turma Luiz Gianesini), Senai/Lafite (lecionei Química Têxtil) e no Centro de Treinamento da Renaux (matérias técnicas) – dirigi o Centro de Treinamento por aproximadamente um ano; fui instrutor no curso de Fiação 1972, e nos cursos para Cipeiros em 85, 86 e 90 e também de normas técnicas sobre Caldeira em 86 na Renaux.

Após iniciar com algumas crônicas no jornal O Município, fui Colunista do Planeta Esportes, Planeta Notícias, Diário do Povo, Correio Regional, A Voz de Brusque por uma década e Em Foco, por cinco anos (ver registros no “Brusque Cidade Schneeburg”, de Saulo Adami e Tina Rosa, p. 307/323).

Consta meu nome - na bibliografia dos livros de Saulo Adami (“Brusque vai à Guerra e Vielen dank, herr doktor!”) e Ricardo José Engel (nos livros “Pedalando pelo tempo” e “ Ivo Moritz”) e no livro de Reinaldo S. Cordeiro: "Ora bolas... Jota Duarte... soa bem melhor! . Também nos livros de Laércio Knihs, Sentinela do Passado, há duas crônicas que falam de Luiz Gianesini, “Fotografias antigas” e “Terrorismo em Brusque”.

Presidi a Câmara Júnior de Brusque – 1988; integrei o Rotary Club de Brusque (Padrinho Adauto Celso Sambaquy), tendo elaborado o informativo na gestão do Juca Loos; integrei o Lions (Padrinho Jorge Romeu Dadan); Vice Presidente da Assoc. Brusquense de Técnicos Têxteis e Supervisores 1982/84, tendo terminado a gestão de Valdir Nisch como Presidente - de maio a setembro de 1984 - e elaborei u o informativo durante a gestão e fui Relações Públicas na gestão de Lourival Augusto Wandrey 87/88; Vice Presidente dos Presidente dos Escoteiros, tendo 5 terminado a gestão de Nisch como Presidente; Vice-Presidente Jurídico do C.E. Paysandu, na gestão de Ruy C. Queluz ; Integrei a Junta de Julgamento da LBF na gestão de Wilimar Schwanke; presidi a Associação Renaux; presidi a Associação Artex-Badenfurt no biênio 78/79; presidi a Cipa Artex Badenfurt no biênio 78/79; presidi a Cipa Renaux em 193/84/85 e 90, tendo recebido troféu de reconhecimento; trabalhei em inúmeras eleições na seção junto ao Honório Miranda: Em 74 como Secretário, em 78, Mesário e em 82, Presidente, sendo que no pleito de 86, ao ser indicado para presidir a secção do Barriga Verde fui dispensado pelo falecimento de minha mãe.

Integrei a Comissão Municipal de Avaliação de imóveis; a Comissão do Plano Diretor de 2008 do Município de Brusque, coordenado por Jorge Bonamente; fui Coordenador do Procon, integrei o CMDCA - como representante do Gabinete do Prefeito; Diretor Jurídico da ASPMB- Associação dos Servidores Públicos Municipais de Brusque ; Integrei o Conselho do Sindimestre (Gestão do Clébio Morsch Gonçalves); Conselheiro da OAB, subseção de Brusque (Gestão Jonas A Werner); membro da equipe de licitações do Município de Brusque; Conselheiro do COMAD - Conselho Municipal sobre Drogas; Conselheiro eleito do IBPREV nos biênios 2014/15 e 2016/17; membro da Comissão Municipal de Táxis e da Comissão de Processos Sindicantes e Disciplinares.

Formei-me em Direito pela Furb e a Pós graduei-me - em Direito Penal - pela Univali, também cursei extensão universitária - Personalidade Magnética - pela Faculdade de Ciências Bio-psíquicas de São Paulo.

Livros publicados:

  • Botuverá, meu bisavozinho
  • Guabiruba, cidade vizinha
  • Coluna Dez, Grandes nomes
  • Conversando com quem Fez e Faz
  • Gente que fez e Gente que faz
  • Câmara Júnior 1988
  • Eu visto por mim
  • Alguns aspectos na ótica da Procuradoria-Geral, da gestão Danilo/Venzon
  • Grandes nomes na Medicina
  • Personalidades em foco, em parceria com Saulo Adami.

Referências

  1. Perfil autobiográfico de Luiz Gianesini.
Ferramentas pessoais